AVISO: Retornaremos o atendimento parcialmente a partir de 07/04. Para maiores informações, favor entrar em contato via WhatsApp

Acupuntura ajuda a tratar Ondas de Calor em mulheres com câncer de mama

As agulhas são melhores que as pílulas para tratar as ondas de calor em sobreviventes de câncer de mama, de acordo com um novo teste que compara acupuntura, acupuntura “simulada”, a medicação gabapentina e uma pílula de placebo.

Tratamento de ondas de calor em pacientes com cancer de mama com acupuntura

Curiosamente, a acupuntura simulada ficou em segundo lugar para eficácia, os pesquisadores contam.

Além do mais, os efeitos da acupuntura foram “significantes e duradouros para ondas de calor, enquanto o efeito da gabapentina só aconteceu quando o paciente estava tomando o medicamento”, disse o autor principal do estudo, Dr. Jun Mao, um professor associado da medicina familiar e saúde da comunidade na Universidade da Pensilvânia na Filadélfia.

O estudo foi publicado em 24 de agosto na revista científica Jornal da Oncologia Clínica (Journal of Clinical Oncology).

Mao e seus colegas testaram o tratamento em 120 mulheres sobreviventes do câncer de mama. As mulheres estavam sofrendo ondas de calor pelo menos duas vezes ao dia.

Cada trinta mulheres receberam acupuntura real que também incluía um pouco corrente elétrica ou a pílula de placebo inativo, 32 mulheres receberam o tratamento da acupuntura simulada e 28 mulheres receberam gabapentina (Neurontin). A droga é tipicamente usada para cuidar de convulsões e dores nos nervos.

As mulheres documentaram suas ondas de calor diárias, notando a frequência e intensidade, pelas 8 semanas do tratamento e depois continuaram a monitorar suas ondas de calor até o total de 24 semanas.

Os investigadores usaram uma tabela de ondas de calor para ver quanto a frequência e intensidade mudaram desde o começo do estudo até o que as mulheres reportaram em 8, e 24 semanas.

A acupuntura teve o maior efeito nas medidas gerais de ondas de calor em 8 semanas, quando todas as intervenções foram encerradas, seguido pela acupuntura simulada e, depois pela gabapentina.

Acupuntura ajuda a tratar Ondas de Calor em Sobreviventes de Câncer de Mama

Na semana 24, 16 semanas após o término do tratamento, a acupuntura ainda era associada às maiores reduções nas ondas de calor. Mas até mesmo aqueles que receberam acupuntura simulada ou as pílulas de placebo tiveram quedas mais pronunciadas na pontuação das ondas de calor na semana 24 que aqueles que receberam gabapentina.

“O resultado do placebo, tanto com a acupuntura, quanto com as drogas, é muito intrigante, já que ambos parecem persistir com o tempo, ” Mao falou. “A magnitude do efeito do placebo na acupuntura é maior que na droga. ”

Os resultados com a acupuntura simulada, que ultrapassaram a gabapentina, sugerem que “há mais que só o efeito placebo com a acupuntura simulada, ” disse o Dr. Gary Deng, chefe interino do serviço de medicina integrada no Centro de Câncer do Memorial Sloan Kettering na cidade de Nova Iorque. “Há um componente comportamental no tratamento simulado, então ele pode ativar psicologicamente reações diferentes de pacientes versus a pílula de placebo. ”

Deng apontou que clínicos têm percebido que o efeito do placebo é importante no tratamento.

“De fato, nas práticas clínicas, é utilizado o tempo todo por todos os médicos, ” ele disse. “O tão chamado bom atendimento, ou comunicação com pacientes – isso tudo aumenta o efeito de sentimento de ganho dos pacientes.”

Ninguém pode dizer ao certo porque o placebo funciona para algumas pessoas e não para outras, conta Deng. “É provável que seja como a psicoterapia, ” ele acrescenta. “Por que funciona para alguns, e não outros? ” Ele sugere que diferenças na anatomia e genética podem ser possíveis explicações, mas disse “há um campo fértil para mais pesquisas. ”

Alguns pacientes podem indagar se a acupuntura, que ajuda com as ondas de calor entre pacientes com câncer de mama, pode também, ajudar com as ondas de calor associadas à menopausa.

Mas Mao apontou que as ondas de calor em pacientes com câncer de mama são mais comuns, mais severas e de maior duração que as ondas de calor da menopausa.

No entanto, de acordo com Deng, tanto as ondas de calor na menopausa como em pacientes com câncer de mama têm relação com a diminuição dos níveis de estrógenos. Para Deng, “os pacientes sobreviventes de câncer de mama têm ondas de calor devido à repressão hormonal”. Pacientes na menopausa também tem comumente níveis menores de estrógenos.

Uma diferença importante entre as duas patologias, no entanto, é que os pacientes com câncer de mama não tem a opção de tratamento com reposição hormonal, porque esta reposição poderia aumentar a recorrência do câncer de mama.

Algumas mulheres que passam pela menopausa ainda tem esta opção de tratamento. Assim, de acordo com Deng, esta seria a razão de que a maioria dos estudos da eficácia da acupuntura no tratamento das ondas de calor focar nas mulheres com câncer de mama.

Mas uma mulher que está passando pela menopausa deveria tentar acupuntura para o controle das ondas de calor?

“Para pacientes que sofrem dos sintomas, elas deveriam tentar todas as possíveis soluções, e deveriam conversar com sua equipe médica para saber as melhores opções de tratamento para elas”, segundo Deng.

Os autores concluíram que a Acupuntura deve ser uma terapia a ser considerada na melhora da qualidade de vida e comforto dessas pacientes com ondas de calor.

Deixe o seu comentário

Send this to a friend