CENTRO DE TRATAMENTO DE DOR: Dor, Acupuntura Médica, Ondas de Choque, Fisiatria e Fisioterapia.

Forame Vertebral (Forame Neural)

A coluna vertebral é uma importante estrutura do nosso sistema esquelético. Ela é formada por uma haste óssea, firme e flexível composta por várias vértebras. Essas vértebras se unem através de discos intervertebrais, e tudo se mantém no lugar pela atuação dos músculos na região.

Por isso, ela é nosso principal eixo de sustentação que garante que nós tenhamos uma postura adequada, deixando que o peso do corpo seja sustentado. Ela também constitui uma importante base para estruturas como costelas e músculos[1]De Peretti F, Hovorka I, Ganansia P, Puch JM, Bourgeon A, Argenson C. The vertebral foramen: a report concerning its contents. Surgical and Radiologic Anatomy. 1993 Dec;15(4):287-94..

Apesar de o movimento entre as vértebras ser pequeno, quando analisamos a coluna vertebral como um todo, vemos que elas permitem importantes movimentos, como os de inclinação, flexão lombar e rotação cervical essenciais para nossas atividades cotidianas[2]Devereaux MW. Anatomy and examination of the spine. Neurologic clinics. 2007 May 1;25(2):331-51..

Uma das estruturas que envolve a coluna é o forame vertebral, que fica localizado entre os processos transversos e o processo espinhoso.

Confira abaixo mais informações sobre essa estrutura e problemas que podem afetar sua função.

O que é o forame vertebral

O forame vertebral é um espaço oco que contém a medula espinhal e as meninges. Por ele, emergem raízes nervosas e vasos sanguíneos[3]Bland JH, Boushey DR. Anatomy and physiology of the cervical spine. InSeminars in arthritis and rheumatism 1990 Aug 1 (Vol. 20, No. 1, pp. 1-20). WB Saunders..

Existem dois forames vertebrais entre cada par de vértebras, sendo um de cada lado.

Medula espinhal e Forame Vertebral

Estrutura do forame vertebral

Existem dois tipos de forame. O forame das vértebras cervicais possui formato triangular.

Já o forame para vértebras torácicas tem formato circular. Juntos, o canal do forame vertebral diminui progressivamente conforme chega mais próximo da lombar, ou seja, ele se afunila como uma cenoura à medida que se move inferiormente, assim como a medula espinhal torna-se menor em diâmetro[4]Prescher A. Anatomy and pathology of the aging spine. European journal of radiology. 1998 Jul 1;27(3):181-95..

 

Função do forame vertebral

Por ser oco, o forame vertebral garante a passagem da medula espinhal e das meninges, deixando-as mais protegidas de impactos.

Problemas no forame vertebral

Assim como qualquer outra estrutura do nosso corpo, o forame também pode apresentar problemas, como a estenose foraminal.

A estenose foraminal é caracterizada pelo estreitamento de um ou mais neuroforames, nervos do sistema nervoso passam, comprometendo ou comprimindo as raízes do nervo espinhal.

Esse problema pode ser causado por diversos motivos, como: artrite, esporões ósseos, tecido cicatricial, hérnia de disco ou abaulamento, ou ainda pelo alargamento da articulação facetaria.

Pelo fato de a estenose espinhal geralmente ocorrer devido à degeneração da coluna vertebral, esse problema de saúde acomete pessoas com mais de 50 anos mais frequentemente. No entanto, a genética do paciente e algumas condições congênitas podem também ser fatores que favorecem o aparecimento do distúrbio.

Quais os sintomas da estenose foraminal?

Dentre os sintomas da estenose foraminal, podemos citar:

Lombalgia e Lombociatalgia
Diagnóstico da estenose foraminal

O diagnóstico dessa doença é feito através do exame de suas costas e histórico médico ou familiar. Geralmente, os exames solicitados são um raio-x, tomografia computadorizada ou ressonância magnética da coluna.

 

Tratamento da estenose foraminal

O tratamento dessa condição clínica é feito através de medicamentos e correções de postura. Geralmente, são receitados remédios anti-inflamatório não-esteroide, analgésico, esteroides ou relaxantes musculares.

Para corrigir a postura, o médico irá indicar um fisioterapeuta, que tratará o alinhamento correto da coluna vertebral através de exercícios. Esse alinhamento irá reduzir o estresse na região da lombar e do pescoço. Além disso, a fisioterapia irá estimular o fortalecimento das costas e melhorar a circulação sanguínea. Com isso, a dor provavelmente irá diminuir, bem como a inflamação da região.

Além disso, o médico pode solicitar uma mudança da maneira como são realizadas as atividades do cotidiano. O fisioterapeuta irá corrigir a postura do paciente para se agachar, se levantar e carregar pesos.

É possível também que o médico indique o uso de uma órtese externa. A órtese é um equipamento que apoiará a coluna para ajudar na correção da postura e no processo de cicatrização.

Em casos mais extremos, pode ser que seja indicado um bloqueio foraminal, procedimento cirúrgico na coluna. Com o uso dos equipamentos, o cirurgião consegue localizar o forame que será bloqueado com medicamentos anestésicos e anti-inflamatórios esteróides. Além disso, se estes tratamentos não forem suficientes, é possível que o médico recomende cirurgias para remover a fonte de pressão sobre as raízes nervosas da coluna vertebral. Como:

  • Laminectomia – procedimento no qual a lâmina da vértebra afetada é removida para alargar o forame, criando mais espaço para os nervos da coluna vertebral.
  • Discectomia cervical anterior com fusão – procedimento em que o disco intervertebral é removido e o forame é reaberto para dar às raízes nervosas mais espaço. Em seguida as vértebras são unidas (fundidas) através da colocação de enxerto ósseo entre os níveis afetados. O enxerto funciona como um meio de ligação e também ajuda a manter a altura normal do disco até que as vértebras se unam e estabilizem a coluna.
  • Foraminotomia cervical minimamente invasiva – pequena abertura no forame por trás no pescoço, aliviando a compressão sobre a raiz nervosa.
  • Foraminotomia lombar minimamente invasiva – procedimento semelhante ao anterior, porém realizado na lombar. Permite o tratamento da compressão.
  • Espaçador interespinhoso percutâneo – colocação de um dispositivo o percutaneamente entre os processos espinhosos da região acometida. Esse dispositivo mantém o forame intervertebral ligeiramente distendido, aliviando a pressão sobre as raízes nervosas.
  • Fusão ou artrodese intervertebral – colocação de cages intersomáticos entre as vértebras no espaço do disco, descompimeindo o local afetado do forame neural, reestabelecendo a altura entre as vértebras e sua posição anatômica.

 

É importante lembrar que a decisão de tratar a estenose foraminal através de cirurgias exige uma análise cuidadosa entre o médico, além de contar com sua decisão. Para se chegar a essa solução, é necessário avaliar o estado de saúde do paciente e a gravidade do problema.

Clinica Hong Jin Pai Sao Paulo e1621991307344

RUA SAINT HILAIRE 96 – JARDIM PAULISTA – SÃO PAULO – SP

Clínica de Dor, Fisiatria e Acupuntura Médica

Clínica médica especializada localizada na região dos Jardins, próximo à Av. Paulista, em São Paulo — SP.

Centro de Dor, com médicos especialistas pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

Tratamento por Ondas de Choque, Infiltrações, Bloqueios anestésicos e Acupuntura Médica

Referências Bibliográficas

Referências Bibliográficas
1 De Peretti F, Hovorka I, Ganansia P, Puch JM, Bourgeon A, Argenson C. The vertebral foramen: a report concerning its contents. Surgical and Radiologic Anatomy. 1993 Dec;15(4):287-94.
2 Devereaux MW. Anatomy and examination of the spine. Neurologic clinics. 2007 May 1;25(2):331-51.
3 Bland JH, Boushey DR. Anatomy and physiology of the cervical spine. InSeminars in arthritis and rheumatism 1990 Aug 1 (Vol. 20, No. 1, pp. 1-20). WB Saunders.
4 Prescher A. Anatomy and pathology of the aging spine. European journal of radiology. 1998 Jul 1;27(3):181-95.

Dr. João Arthur Ferreira

CRM-SP 19759 / RQE 3179 | Atua no tratamento de reabilitação em atletas, dor aguda e dor crônica (cervicalgia, lombalgia, enxaqueca). Médico especialista em Fisiatria e Acupuntura. Colaborador do CEIMEC – Centro de Estudo Integrado de Medicina Chinesa

Deixe o seu comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.