CENTRO DE TRATAMENTO DE DOR: Dor, Acupuntura Médica, Ondas de Choque, Fisiatria e Fisioterapia.

Anticonvulsivantes no tratamento de dor

Se você sofre de certos tipos de dor crônica, pode se surpreender ao saber que um medicamento anticonvulsivante pode ajudar a aliviar sua dor.

Os anticonvulsivantes, ou medicamentos anticonvulsivantes, funcionam como analgésicos adjuvantes. Isso significa que eles podem tratar alguns tipos de dor crônica, embora não tenham sido projetados para esse fim.

Em geral, costumam estar associados a analgésicos, anti-inflamatórios, terapias alternativas ou terapias integrativas não farmacológicas. Os anticonvulsivantes atuam potencializando a ação inibitória dos neurotransmissores denominados gama-aminobutíricos (GABA) e cruzam facilmente a barreira hematoencefálica e as membranas.

Meralgia parestésica: o que é, causas, sintomas e tratamento

Meralgia parestésica é uma mononeuropatia dolorosa, resultando em dormência ou dor na face anterior da coxa, devido à lesão do nervo cutâneo femoral lateral.
Esta neuropatia é relativamente comum, cuja estimativa é de que afeta cerca de 5 pessoas por ano a cada 10.000 habitantes, sendo mais comum em indivíduos do sexo masculino e a idade mais predisponente é entre 30 e 65 anos.

Hérnia de Disco: O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos

A hérnia de disco também é chamada de deslocamento de disco ou ruptura do disco intervertebral. Esta afecção ocorre com mais frequência na parte baixa ou lombar das costas, ou na região da nuca (cervical). É uma das causas mais comuns de dor lombar e também de dor na perna (dor ciática ou ciatalgia).

Mais de 80% das pessoas já tiveram ou terão um episódio de dor lombar em algum momento de suas vidas. Dentre estas pessoas, 10 a 30% apresentam lombalgia ou ciatalgia devido a hérnia de disco.

Protrusão discal (abaulamento discal): causas, sintomas e tratamento

A protrusão discal é um abaulamento do disco intervertebral, consistindo em um processo de desgaste ou perda da elasticidade do disco.
Se você tem uma protrusão de disco, então você está sofrendo do que é comumente chamado de ‘disco solto’. Na realidade, este é um termo genérico para uma variedade de problemas médicos que se relacionam com os discos, que são o tecido mole que separam as vértebras na coluna vertebral.

O que é dor? Qual a diferença entre dor aguda e dor crônica? Aprenda mais

De acordo com a Associação Internacional para o Estudo da Dor, a dor é “uma experiência sensorial e emocional desagradável, associada ao dano tecidual real ou potencial, ou descrita em termos de tais danos”.

Na prática, sabemos bem o que isso quer dizer. Dor é aquela sensação que experimentamos ao encostarmos o dedo em algo muito quente ou quando batemos o dedo mindinho do pé na quina de um móvel. Porém, é também o que experimentamos ao perder um familiar ou quando terminamos um relacionamento importante.

É ainda considerada um sinal de vida, e muita das vezes um sintoma adjacente a uma determinada condição.

Conforme vimos anteriormente, ela funciona como um alerta ao corpo, avisando que algo está caminhando mal. Alguma coisa está errada e o organismo precisará lidar com isso.

Parestesia: o que é?

Dormência é muitas vezes acompanhada por sensações anormais de formigamento (comichões) não relacionadas a um estímulo sensorial (parestesias). Outras manifestações (p. ex., dor, fraqueza nas extremidades, disfunção do nervo craniano não sensorial) também podem estar presentes dependendo da causa.