AVISO: NOVO LOCAL DE ATENDIMENTO - Rua Saint Hilaire 96 (a 5 minutos da clínica antiga), de segunda a sábado. Maiores informações, entrar em contato via WhatsApp

Acupuntura na Síndrome do Túnel do Carpo

acupuntura e sindrome do tunel do carpo

Sobre a síndrome do túnel do carpo

Síndrome do túnel do carpo compreende potencialmente sintomas sensoriais e/ou motoras na mão. Cerca de 1 em cada 10 pessoas desenvolvem a síndrome do túnel do carpo, em algum momento, e é particularmente comum em mulheres. Em um estudo no Reino Unido verificou-se uma incidência de 139,4 casos a cada 100.000 mulheres por ano e 67,2 casos a cada 100.000 homens. A condição tem implicações consideráveis ​​para o emprego e os custos de saúde.

Os sintomas da síndrome do túnel do carpo são causados pela compressão do nervo mediano no túnel do carpo no punho e leva a dormência, formigamento e sensações de queimadura, e uma dor na mão e dedos. Estes sintomas surgem geralmente nos dedos polegar, indicador, médio e anelar, mas pode afetar o dedo mindinho e/ou a palma da mão. Eles geralmente ocorrem à noite, muitas vezes acordando o paciente do sono, mas pode ser aliviado em poucos minutos, ao agitar a mão.

A dor, por vezes, começa no antebraço e vai para o cotovelo alcançando o ombro ou começo do pescoço. Outros sintomas menos comuns incluem fraqueza, pele seca, inchaço ou mudanças de cor e movimentação da mão. Os sintomas podem reaparecer durante o dia quando as mãos são usadas para o transporte de coisas e em atividades que envolvem o uso das mãos como dirigir ou usar um teclado.

Os fatores predisponentes incluem a predisposição genética, diabetes mellitus, gravidez, obesidade, mixedema, acromegalia e infiltração do retináculo flexor na amiloidose primária e hereditária. Síndrome do túnel do carpo também pode ocorrer como consequência do comprometimento do pulso articular na artrite reumatoide ou osteoartrite, ou deformidade relacionada a uma fratura de idade. Não sabe-se se o uso excessivo das mãos pode ser uma das causas da síndrome, embora a maioria dos pacientes relatam que os sintomas são agravados pelo uso excessivo das mãos. Atuais opções de tratamento convencionais são talas, injeções de corticosteroides locais e cirurgia.

Como a acupuntura pode ajudar

acupuntura hong jin pai

Este informativo fala do uso da acupuntura no tratamento da síndrome do túnel do carpo. Há também artigos sobre a dor neuropática, osteoartrite e artrite reumatoide.

Uma breve história da Acupuntura.

Houve uma revisão sistemática, que demonstrou que a acupuntura é uma terapia sintomática de síndrome do túnel do carpo, mas os resultados ainda não são convincentes.

Além disso, há poucos ensaios clínicos randomizados, publicados desde esta revisão sistemática. Todos realizados com a síndrome do túnel do carpo de leve a moderada. Dois realizados com acupuntura em comparação com a acupuntura sham. Em ambos os casos a acupuntura trouxe mais melhorias em relação aos níveis de linha de base, mas em uma versão real foi superior ao tratamento simulado. Tais resultados contraditórios são comuns em ensaios de acupuntura sham, para intervenções “sham” não utiliza-se placebos inertes, portanto, potencialmente subestima-se o efeito da acupuntura ‘real’, o que torna a interpretação dos resultados difíceis. Em um estudo de acupuntura dois ensaios clínicos randomizados foram comparados a tratamentos convencionais de esteróides ou talas. Verificou-se ser tão eficaz quanto esses métodos, e em algumas circunstâncias superior.

Em geral, acredita-se que a acupuntura ajuda estimular o sistema nervoso e provocar a liberação de moléculas mensageiras neuroquímicas. As alterações bioquímicas resultantes influenciam os mecanismos homeostáticos do corpo, promovendo, assim, o bem estar físico e emocional.

A pesquisa mostrou que o tratamento com acupuntura pode ajudar especificamente na gestão da síndrome do túnel do carpo ao:

[content_box type=”without-header” text_color=”dark” color=”#00B2EE”]Agir em áreas do cérebro conhecida por reduzir a sensibilidade à dor e stress, bem como promover relaxamento e desativar o cérebro da função ‘analítica’, que é responsável pela ansiedade e preocupação[/content_box]

[content_box type=”without-header” text_color=”dark” color=”#00B2EE”]Aumentar a liberação de adenosina, que possui propriedades anti-nociceptivas;[/content_box]

[content_box type=”without-header” text_color=”dark” color=”#00B2EE”]Regular a rede límbica do cérebro, incluindo o hipotálamo e amígdala;[/content_box]

[content_box type=”without-header” text_color=”dark” color=”#00B2EE”]Induzir a plasticidade cortical (ou seja, o condicionamento do cérebro para parar de processar a entrada de nervo sensorial dos dedos afetados, o que leva a melhora dos sintomas).[/content_box]


 

Principais indicações da Acupuntura

Como a Acupuntura funciona?

5 benefícios da Acupuntura para sua saúde.

Aprenda mais sobre a Acupuntura. Veja perguntas frequentes (FAQ) que recebemos.

Deixe o seu comentário

Send this to a friend